Viajando na economia #2: O guia completo pra pagar menos para viajar pra Petrópolis

No segundo capítulo da série mensal, conheça as melhores formas de pagar menos pra visitar a Cidade Imperial.

Ainda em tempos de crise, todos pensam em viajar para conhecer o Estado do Rio, mas quase sempre falta recurso para tirar um tempo e conhecer novos lugares. No Viajando na Economia desse mês, o Portal Flumibuss irá ensinar como ir para Petrópolis, a Cidade Imperial, gastando pouco e reinvestindo esse dinheiro economizado na estadia pela cidade.

Rua da Imperatriz, com a Catedral de São Pedro de Alcântara. Foto: blog Perdido por Aí

O que você precisa saber sobre a cidade? Petrópolis é uma cidade de extremos. Durante o dia, pode estar fazendo um calor de 30-40ºC, à noite pode estar fazendo um frio de 20ºC. Por isso, é sempre aconselhável levar agasalho para não morrer de frio.

Vindo da Região Metropolitana do Rio, existem dois acessos à cidade: Pela BR-040/Rio-Juiz de Fora-Brasília, com acessos ao Centro Histórico pelos bairros da Quitandinha e Bingen e pela RJ-107/Estrada Velha da Estrela, cujo único acesso ao Centro Histórico é pelo bairro do Alto da Serra. Tanto acessando pela BR-040, quanto pelo Alto da Serra, se vier de ônibus, terá que pegar um segundo ônibus para chegar ao Centro Histórico, já que ônibus intermunicipais não podem chegar à área central da cidade. Neste post, vamos ensinar as formas de se chegar por ambos os acessos pagando menos.


Opção 1: Pela BR-040

GVP 007

Ônibus da linha Caxias/Petrópolis, a opção mais barata para chegar na cidade.

O primeiro meio mais barato de chegar em Petrópolis pagando menos é utilizando o ônibus que sai de Duque de Caxias e vai em direção à cidade serrana. A opção direta, saindo da Rodoviária Novo, na capital, está custando R$ 26,95, enquanto que saindo de Caxias, o ônibus está custando R$ 12,75. A linha Caxias/Petrópolis tem como ponto final a Rodoviária Mariano Sendra dos Santos (popularmente conhecido como Rodoviária do Shopping Center) e o itinerário é pela BR-040 desde o Parque Duque, até a Rodoviária de Petrópolis, que fica às margens da BR-040, no bairro do Bingen. Após desembarcar na Rodoviária, o próximo passo é ir para o Terminal urbano da Rodoviária e embarcar no ônibus da linha 100 (Rodoviária/Terminal Centro), operado pela Cidade Real. A tarifa básica na cidade é de R$ 3,50, enquanto que a opção executiva (a 010 Rodoviária/Centro) custa R$ 4,60. Com exceção do Terminal Centro, com uma passagem possibilita que o passageiro chegue à qualquer ponto de Petrópolis pagando uma única passagem, num sistema de terminais fechados.

GVP 005

Linha 100 (Rodoviária/Terminal Centro): a única forma de acesso à região do Centro Histórico da cidade, partindo da Rodoviária do Bingen.

A viagem da linha 100 (cujo os horários de partida podem ser consultados aqui) dura cerca de 40 minutos.


Opção 2: via RJ-107/Estrada Velha da Estrela

GVP 001

O primeiro trecho da viagem Rio x Petrópolis via Estrada Velha da Estrela é feito pela linha 463C, para chegar em Piabetá e prosseguir a viagem.

O outro meio para se chegar em Petrópolis é indo por Piabetá, distrito de Magé. Ao contrário da opção via BR-040, a baldeação é feita 100% com ônibus urbanos. O ponto de partida é o Terminal Américo Fontenele, atrás da Central do Brasil. Basta embarcar num ônibus da linha 463C – Central/Piabetá, da empresa União. A passagem custa R$ 7,85 (R$ 6,50 no Vale-Transporte). Ao chegar em Piabetá, na própria rodoviária da cidade, basta apenas embarcar num ônibus da Trel com o destino Petrópolis. A empresa de Duque de Caxias opera 4 linhas neste eixo, que são:
310 – Praia do Anil x Petrópolis
311 – Imbariê x Petrópolis
312 – Campos Elíseos x Petrópolis
GVP 002313 – Nova Campinas x Petrópolis.

A seção Piabetá x Petrópolis das linhas da TREL custam R$ 5,50, enquanto que a seção direta das linhas custam R$ 7,30. A viagem neste trecho demora de 40 minutos à 1 hora, passando pela bucólica Serra Velha da Estrela, que faz parte do roteiro da antiga Estrada Real de Petrópolis, com uma paisagem incrível, possibilitando ver toda Magé, Duque de Caxias e até a capital Rio de Janeiro. Quando chegar no Alto da Serra, basta embarcar em qualquer ônibus da empresa Petro Ita com destino ao Centro, podendo ser:

  • 420/453 (Meio da Serra)
  • 434 (Dom João Braga)
  • 413 (Lopes Trovão)
  • 415 (Vila Felipe)
  • 430 (Aldo Tamancoldi)
GVP 003

Linha 434 da Petro Ita, que opera as linhas de ônibus na região do Alto da Serra.

Os horários das linhas da Petro Ita podem ser consultados aqui

GVP 004No Centro Histórico há muitos locais interessantes para se visitar e/ou passear, tais como o Museu Imperial, a Catedral de São Pedro de Alcântara, o Palácio de Cristal, o Bosque do Imperador, a Praça 14 Bis e a Casa de Santos Dumont, entre outras coisas. Mas se quiser ir para a região de Itaipava, basta embarcar num ônibus da linha 700 (Centro x Terminal Itaipava), da empresa TURB, no ponto final da Rua Paulo Barbosa. A linha percorre toda a Estrada União e Indústria, numa viagem que dura de 1 à 1 hora e meia de duração.

Para retornar à Rodoviária Bingen partindo dos Terminais Corrêas e Itaipava, você pode utilizar as linhas 150 e 160, que ligam os dois terminais, respectivamente, à Rodoviária da cidade. O trajeto feito pela BR-040, dura 50 minutos de viagem e evita de passar pelo Centro histórico da cidade.

GVP 006

Linha 150, que sai do Terminal Corrêas, em direção à Rodoviária do Bingen.

Um novo destino será explorado pelo Portal Flumibuss. Qual será? Confiram em breve!

Anúncios

Nova linha 617 começa a operar a partir de hoje

De surpresa, moradores do Rio Comprido e Estácio ganham uma opção mais rápida para a Quinta da Boa Vista e o Campo de São Cristóvão

20160524_082048 (2)

Um dos ônibus que está circulando na nova linha 617. Foto: Gabriel Petersen Gomes

Começou a circular hoje (24/05) uma nova linha de ônibus na área do Rio Comprido, Estácio e Benfica. A nova linha 617, operado pela Auto Viação Alpha, liga a Rua Santa Alexandrina, no Rio Comprido, ao Largo de Benfica, na região de São Cristóvão, passando pelo bairro do Estácio, Praça da Bandeira e Campo de São Cristóvão. A linha servirá como opção aos passageiros do Rio Comprido e Estácio que atualmente dependem das linhas 209 (Estácio/Caju via São Cristóvão) e 473 (São Jaunário/Siqueira Campos). Com uma frota determinada pela Prefeitura de 12 veículos, a linha não tem ponto final na outra extremidade do itinerário, possibilitando assim, quem estar na CADEG – Mercado Municipal do Rio pegar o ônibus para o Rio Comprido sem necessidade de ir andando até a Rua Senador Bernardo Monteiro. O itinerário da linha atualmente é:

Rua Santa Alexandrina (ponto final junto com a 201) – Rua Aristides Lobo – Travessa do Rio Comprido – Rua Haddock Lobo – Largo do Estácio – Rua João Paulo I – Av. Paulo de Frontin – Viaduto dos Aviadores – Praça da Bandeira – Radial Oeste – Viaduto de São Cristóvão – Rua Almirante Baltazar – Rua General Herculano Gomes – Av. Rotary Internacional – Av. do Exército – Campo de São Cristóvão – Rua São Luiz Gonzaga – Largo de Benfica (ponto regulador) – Rua Senador Bernardo Monteiro – Rua Ana Néri – Rua São Luiz Gonzaga – Rua João Ricardo – Av. do Exército – Campo de São Cristóvão – Rua São Luiz Gonzaga – Rua Chaves Faria – Rua Catalão – Av. Rotary Internacional – Rua General Herculano Gomes – Rua Alm. Baltazar – Viaduto Oduvaldo Cozzi – Radial Oeste – Rua Teixeira Soares – Praça da Bandeira – Viaduto dos Fuzileiros – Av. Pres. Vargas (pista lateral) – Rua Carmo Neto – Av. Salvador de Sá – Rua Frei Caneca – Largo do Estácio – Rua João Paulo I – Av. Paulo de Frontin (sentido Rebouças) – retorno em cima do túnel – Rua Santa Alexandrina (ponto final junto com a 201).

A expectativa é que a linha atenda, em média, 50.000 passageiros por mês, parte deles oriundos da 209 e 473. A Secretaria Municipal de Transportes e a Rio Ônibus não divulgaram outros detalhes da nova linha.

20160524_082043 (2)

Linha 617 – Santa Alexandrina x Benfica (via Praça da Bandeira)

(Atualizado em 27/05, às 13:58)

Nova reorganização do Centro começa neste sábado

Com as mudanças, 180 linhas (139 municipais e 41 intermunicipais) serão afetadas e outras 5 extintas.

P1230197

Linha 401, uma das linhas que terão o seu último dia de operações hoje (13/05). Foto: Gabriel P. Gomes

A partir deste sábado, dia 14/05, se inicia a segunda etapa das mudanças viárias finais para a implantação de Veículo Leve sobre Trilhos. Anunciado no início do mês, esta segunda etapa das mudanças será a de maior impacto, pois o corredor viário formado pela Rua da Carioca e da Assembleia, e o da Evaristo da Veiga e Araújo Porto Alegre. Com esta mudança na circulação viária, 180 linhas serão alteradas, sendo 139 municipais e 41 intermunicipais executivas. Quando a reorganização fora anunciado, a Secretaria Municipal de Transportes não divulgou a relação completa. Porém, nesta quinta-feira, em despacho publicado no Diário Oficial do Município, o secretário publica a relação oficial com surpresa: 5 linhas serão extintas, a saber:

  1. 016 (Santos Dumont/Castelo), Real
  2. 401 (Rio Comprido/São Salvador), Alpha
  3. 2295 (Pavuna/Castelo), Ideal
  4. 2302 (Mariópolis/Castelo), que já estava desativada
  5. 2346 (Vila Valqueire/Castelo via Av. Brasil), Redentor

A SMTR não divulgou quais as opções que os passageiros terão à disposição, porém, se sabe que no caso da linha 016, o VLT cobrirá o itinerário. O caso da linha 401 é um pouco mais sério, pois segundo apurações feitas em visitas à Praça São Salvador, os moradores queriam a extinção da linha, já que, segundo os próprios, os ônibus da linha tumultuam a praça.

Dentre das 139 alterações, linhas como 213, 275, 322, 324, 326 e 393 serão encurtadas para a Candelária. Os ônibus que não são de linhas troncais passarão a circular pelo novo corredor formado pela Avenida Passos, Rua da Carioca e Avenida Nilo Peçanha e as linhas intermunicipais executivas passam a circular pela Praça da Cruz Vermelha. Confira através dos links abaixo todas as alterações das linhas municipais e intermunicipais:

Alterações das linhas municipais = clique aqui
Alterações das linhas intermunicipais = clique aqui

P1250666.JPG

Linha 2295, outra que será extinta a partir deste sábado. Foto: Gabriel P. Gomes

Auto Viação Bangu encerra as atividades, após 54 anos de funcionamento

Com o fechamento da empresa, é a 6ª empresa a encerrar atividades na gestão de Rafael Picciani na SMTR. E pode não parar só nela…

P1250678 (2)

Linha 383, que já está sob operação da Transportes Barra. Até o início do 2º semestre, as demais linhas da Bangu serão assumidas pela Barra.

A Auto Viação Bangu, que estava prestes à completar 55 anos em 2017, encerrou as suas atividades para valer a partir de hoje, após o estopim da greve de funcionários da empresa. Os motoristas da empresa, que denunciavam os salários atrasados e as péssimas condições de trabalho, cruzaram os braços nesta última segunda-feira e ainda prejudicam quase 50.000 passageiros na região de Realengo, Padre Miguel e Bangu. Após uma rodada intensa de negociações, ficou decidido que a Transportes Barra irá assumir todas as linhas da empresa, de maneira gradual. Na última segunda-feira, a empresa de Vila Valqueire assumiu a operação das linhas 383 (Realengo/Praça da República) e 794 (Bangu Shopping/Cascadura via Barata) e ontem assumiu as linhas 777 (Padre Miguel/Madureira Shopping – Direto) e SV777 (Padre Miguel/Madureira Shopping – via Rua do Governo). Nesta quinta-feira, dia 12/05, outras 7 linhas serão reativadas pela Transportes Barra, sendo elas:

  • 394 (Vila Kennedy/Tiradentes) e SP394 (Vila Kennedy/Caju)
  • 739 (Sulacap/Bangu)
  • 741 (Barata/Bangu via Murundu – Circular)
  • 743 (Barata/Bangu via Água Branca – Circular)
  • 744 (Realengo/Cascadura via Jardim Novo – Circular)
  • 755 (Realengo/Coelho Neto)
  • 936 (Campo Grande/Fundão via Estrada da Posse)
P1240524 (2)

A Auto Viação Bangu empregava cerca de 700 funcionários, entre motoristas, operacional e manutenção. Parte destes será contratada pela nova empresa.

A reativação de todas as outras as linhas da Bangu vai depender da chegada de ônibus. Ao final da reunião que culminou com o fechamento da empresa de Magalhães Bastos, ficou decidido os seguintes pontos:

  • A garagem da Auto Viação Bangu também passa a pertencer à Barra e a mesma passará a utilizar assim que for feito a limpeza da mesma.
  • As linhas da Bangu serão todas operadas pela Barra, sendo que a linha 725 (Ricardo de Albuquerque/Cascadura), a única a pertencer ao Consórcio Internorte, poderá ser repassada à Viação Novacap, caso a empresa queira.
  • Nenhum carro da Bangu foi adquirido no pacote
  • Já anteriormente a essa negociação, a Barra já tinha adquirido 40 veículos novos que agora serão distribuídos nas linhas da Bangu;
  • Com a absorção das linhas da Bangu, as linhas do Consórcio Transcarioca, como a 341 (Taquara/Candelária) e a 878 (Tanque/Barra da Tijuca), deverão ser repassadas às outras empresas do grupo (Viação Redentor e Transportes Futuro)
  • Para ajudar na operação, a Viação Redentor e a Transportes Futuro repassarão cerca de 80 carros para a Transportes Barra.
  • O Grupo Redentor, em caráter de urgência, comprará ônibus semi-novos para não ter prejuízo nas operações.
  • Os funcionários da Bangu serão contratados na medida do possível mediante a necessidade atual de pessoal;
  • Com a vinda do BRT TransBrasil, a Barra terá direito à 47 vagas que seriam destinadas à Viação Bangu
  • A Bangu (nome) encerra suas atividades no transporte urbano, mas o CNPJ continuará aberto aberto voltar as atividades entrando em licitações no cenário, municipal e nacional;
  • A Lacosta Turismo não será incorporada ao Grupo Redentor, sendo assim, fica de forma independente.

A Auto Viação Bangu é a 6ª empresa a encerrar suas atividades somente na gestão de Rafael Picciani na Secretaria Municipal de Transportes. Já fecharam: Andorinha, Rio Rotas, Translitorânea, Via Rio e Algarve. Com exceção da Bangu, todas as outras empresas eram controladas pelo Grupo Breda, comandado por Álvaro Lopes. Até o fechamento desta matéria, a Secretaria Municipal de Transportes não se pronunciou sobre a greve e o fechamento da Auto Viação Bangu.

(Atualizado em 12/05/2016 Às 09:35)

Reorganização do Centro para o VLT começa neste sábado

As mudanças visam a implantação e o acostumação ao Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT)

P1250269

Linhas como a 771 da Pendotiba passarão a fazer ponto final na Av. Marechal Floriano. Foto: Gabriel Petersen Gomes

A Secretaria Municipal de Transportes, em conjunto com a CET-Rio e a Companhia de Desenvolvimento do Porto Maravilha (CDurp) começam a implantar a partir deste sábado as mudanças finais para a implantação da primeira linha do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), que vai ligar a Rodoviária Novo Rio ao Aeroporto Santos Dumont. A partir deste sábado, 13 linhas municipais terão seus itinerários e/ou denominações modificadas (veja no final desta matéria a relação completa) e outras 33 linhas intermunicipais terão seus itinerários modificados e direcionados para a Avenida Marechal Floriano e a Central do Brasil. Já no dia 14/05, a Avenida Rio Branco, no trecho que sobreviveu à transformação em um calçadão com espaço para VLT (entre a Avenida Presidente Vargas e a Avenida Nilo Peçanha), voltará a ser liberada para automóveis, sendo que a faixa da direita continuará restrita aos ônibus. Além desta liberação, as Ruas da Carioca e da Assembleia terão o sentido invertido, passando a operar em direção à Avenida Nilo Peçanha – Rua Primeiro de Março, as Ruas Araújo Porto Alegre e Evaristo da Veiga operarão com o sentido Arcos da Lapa (e não mais sentido Castelo), a Avenida República do Paraguai voltará a ter mão dupla, sendo que o acesso no sentido Aterro será feita pela própria pista da República do Paraguai. Atualmente o acesso à via está sendo feito pela Rua Gustavo de Lacerda. Neste dia, 40 linhas municipais e cerca de 30 linhas executivas intermunicipais (as únicas que adentram o Centro nervoso) serão afetadas. Já no dia 21 de Maio, todas as vias no entorno do Passeio Público voltarão aos sentidos originais de circulação, com isso outras 27 linhas – 10 intermunicipais e 17 municipais – serão afetadas.

6096133

Mapa constando todas as alterações que serão implantadas neste mês de Maio. Fonte: http://bit.ly/1XZ4p2H

Mudanças detalhadas por data:

Dia 07/05:

O cronograma das mudanças terá início com a modificação dos pontos finais das linhas ônibus na região. As linhas urbanas intermunicipais vindas da Baixada Fluminense que fazem ponto final na Avenida Presidente Vargas e Rua Sacadura Cabral serão direcionadas para o Terminal Américo Fontenelle. Já as linhas intermunicipais vindas da Ponte Rio-Niterói, com ponto final na Avenida Presidente Vargas, passarão a fazer ponto final na Avenida Marechal Floriano e na Rua Visconde de Inhaúma. Os pontos finais de 13 linhas municipais também serão alterados dentro do planejamento (veja a lista completa no final do release).

Dia 14/05:

– Liberada a circulação de automóveis em duas faixas da Av. Rio Branco. A terceira faixa, no trecho entre a Av. Presidente Vargas e a Av. Nilo Peçanha, será de uso exclusivo das linhas de ônibus troncais.
– Ruas da Carioca, Rua da Assembleia e trecho da Av. Nilo Peçanha: sentido invertido (Praça Tiradentes em direção a Av. Presidente Antônio Carlos).
– Av. República do Paraguai volta a ter mão dupla
– Ruas Araújo Porto Alegre e Evaristo da Veiga terão tráfego invertido para viabilizar o acesso à Praça Tiradentes
– Rua Silva Jardim terá o tráfego invertido

Dia 21/05

– Ruas Senador Dantas, Mestre Valentim (pista junto ao Passeio Público), do Passeio (entre Av. Teixeira de Freitas e R. Senador Dantas) e Av. Luís de Vasconcelos: sentido de tráfego invertidos. A circulação no entorno do Passeio Público volta à situação original.

Relação dos novos itinerários:

Linhas municipais:

  • Linha 254 (Madureira-Candelária) 
Ponto final atual: Rua Santa Luzia
Ponto final a partir do dia 07 de Maio:  Av. Presidente Vargas
Novo itinerário: IDA: …, Praça da Bandeira, Viaduto dos Fuzileiros, Av. Presidente Vargas (pista lateral), agulha acesso pista central, Rua Marques de Sapucaí, Av. Presidente Vargas (pista Central), Av. Presidente Vargas (pista central- ponto terminal entre a Rua Uruguaiana e a Av Rio Branco) VOLTA: Av Presidente Vargas (pista central), Praça Pio X, retorno em frente Rua Primeiro de Março, Praça Pio X, Av Presidente Vargas (pista central), Viaduto dos Marinheiros, Praça da Bandeira…
  •  Linha 265 (Marechal Hermes- Castelo- circular)
Ponto final atual: Avenida General Justo
Ponto regulador a partir do dia 07 de Maio: Rua Santa Luzia
Novo itinerário: IDA: …, Via Binário do Porto, Av. Venezuela, Av. Barão de Tefé, Rua Camerino,  Av. Passos, Av. República do Paraguai, Rua Evaristo da Veiga, Rua Araújo Porto Alegre, Av. Graça Aranha, Rua Santa Luzia (ponto regulador entre Praça Ana Amélia e Av Marechal Câmara ), Rua Santa Luzia, Av. Marechal Câmara, Av. Franklin Roosevelt (pista direita), Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral),  Rua Primeiro de Março, Túnel Rio 450, Via Binário do Porto (pista sentido Rodoviária), Rua Equador, Rua General Luis Mendes de Morais, Av. Francisco Bicalho (pista lateral), Av. Rio de Janeiro , …
  • Linha 277 (Rocha Miranda- Candelária- via São Cristóvão) 
Ponto final atual: Rua Santa Luzia
Ponto final a partir do dia 30 de abril: Av. Presidente Vargas
Novo itinerário: IDA: …, Av. Francisco Bicalho, Viaduto dos Pracinhas, Av. Presidente Vargas (pista central), Av. Presidente Vargas (pista central- ponto terminal entre a Rua Uruguaiana e Av. Rio Branco).
VOLTA: Av Presidente Vargas (pista central), Praça Pio X, retorno em frente Rua Primeiro de Março, Praça Pio X, Av Presidente Vargas (pista central), agulha acesso pista lateral Av Passos, Av Presidente Vargas (pista lateral), Av Francisco Bicalho…
  • Linha 296 (Irajá- Castelo)
Ponto final atual: Avenida General Justo
Ponto final a partir do dia 07 de Maio: Avenida Churchill
Novo itinerário: IDA: …, Av. Francisco Bicalho, Viaduto dos Pracinhas, Av. Presidente Vargas (pista central), agulha acesso pista lateral Praça Onze, Av. Presidente Vargas (pista lateral), Av. Passos, Praça Tiradentes, Av. República do Paraguai, Rua Evaristo da Veiga, Rua Araújo Porto Alegre, Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Marechal Aguinaldo de Castro, Travessa Santa Luzia, Av. General Justo, Av. Marechal Câmara, Av. Churchill  (ponto terminal – pista sentido Av. Presidente Antonio Carlos).
VOLTA: Av. Churchill, Rua Santa Luzia, Av. Marechal Câmara, Av. Franklin Roosevelt (pista direita), Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Primeiro de Março, Praça Pio X, Av. Presidente Vargas (pista central),  agulha acesso pista lateral Av. Passos, Av. Presidente Vargas (pista lateral), Av. Francisco Bicalho, …
  • Linha 298 (Acari- Castelo)
Ponto final atual: Avenida General Justo
Ponto final a partir do dia 07 de Maio: Avenida Churchill
Novo itinerário: IDA: …, Av. Francisco Bicalho, Viaduto dos Pracinhas, Av. Presidente Vargas (pista central), agulha acesso pista lateral Praça Onze, Av. Presidente Vargas (pista lateral), Av. Passos, Praça Tiradentes, Av. República do Paraguai, Rua Evaristo da Veiga, Rua Araújo Porto Alegre, Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Marechal Aguinaldo de Castro, Travessa Santa Luzia, Av. General Justo, Av. Marechal Câmara, Av. Churchill  (ponto terminal – pista sentido Av. Presidente Antonio Carlos).
VOLTA: Av. Churchill, Rua Santa Luzia, Av. Marechal Câmara, Av. Franklin Roosevelt (pista direita), Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Primeiro de Março, Praça Pio X, Av. Presidente Vargas (pista central),  agulha acesso pista lateral Av. Passos, Av. Presidente Vargas (pista lateral), Av. Francisco Bicalho, …
  • Linha 344 (Rocha Miranda- Castelo- circular)
Ponto final atual: Avenida General Justo
Ponto regulador a partir do dia 07 de Maio: Rua Santa Luzia
Novo itinerário: IDA: …, Av. Francisco Bicalho, Viaduto dos Pracinhas, Av. Presidente Vargas (pista central), agulha acesso pista lateral Praça Onze, Av. Presidente Vargas (pista lateral), Rua General Caldwell, Rua Tenente Possolo, Av. Henrique Valadares, Praça Cruz Vermelha, Rua da Relação, Av. República do Chile, Av. Almirante Barroso, Av. Graça Aranha, Rua Santa Luzia, Rua Santa Luzia (ponto regulador entre Praça Ana Amélia e Av Marechal Câmara), Av Marechal Câmara, Av Franklin Roosevelt (pista direita), Av Presidente Antônio Carlos (pista lateral), Rua da Assembleia, Rua da Carioca, Rua Visconde de Rio Branco, Praça da República, Av Presidente Vargas (pista lateral), Av Francisco Bicalho…
  •  Linha 349 (Rocha Miranda- Castelo- circular)
Ponto final atual: Avenida General Justo
Ponto regulador a partir do dia 07 de Maio: Rua Santa Luzia
Novo itinerário: IDA: …, Via Binário do Porto (pista sentido Praça Mauá), Av. Venezuela, Praça Mauá, Av. Rio Branco, Av. Nilo Peçanha, Av. Graça Aranha, Rua Santa Luzia (ponto regulador entre Praça Ana Amélia e Av Marechal Câmara), Av Marechal Câmara, Av. Franklin Roosevelt (pista direita), Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Primeiro de Março, Túnel Rio 450, Via Binário do Porto (pista sentido Rodoviária), …
  • Linha 351 (Vaz Lobo – Candelária – Rápido via Irajá) 
Ponto final atual: Av Augusto Severo
Ponto final a partir do dia 07 de Maio: Praça Pio X
Novo itinerário: IDA: …, Via Binário do Porto (pista sentido Praça Mauá), Av. Venezuela, Praça Mauá, Av. Rio Branco, Praça Pio X (ponto terminal entre as ruas da Quitanda e Candelária)
VOLTA: Praça Pio X, Rua Primeiro de Março, Túnel Rio 450, Via Binário do Porto (pista sentido Rodoviária)…
  • Linha 363 (Vila Valqueire-Candelária) 
Ponto final atual: Avenida Churchill
Ponto final a partir do dia 07 de Maio: Av. Presidente Vargas
Novo itinerário:  IDA: …, Praça da Bandeira, Viaduto dos Fuzileiros, Av. Presidente Vargas (pista lateral), agulha acesso pista central Rua Marques de Sapucaí, Av. Presidente Vargas (pista Central), Av. Presidente Vargas (pista central- ponto terminal entre a Rua Uruguaiana e a Av Rio Branco).
VOLTA: Av Presidente Vargas (pista central), Praça Pio X, retorno em frente Rua Primeiro de Março, Praça Pio X, Av Presidente Vargas (pista central), Viaduto dos Marinheiros, Praça da Bandeira…
  • Linha 374 (Pavuna-Castelo-via Costa Barros-circular) 
Ponto final atual: Avenida General Justo
Ponto regulador a partir do dia 07 de Maio: Rua Santa Luzia
Novo itinerário: IDA:…, Via Binário do Porto (pista sentido Praça Mauá), Av. Venezuela, Praça Mauá, Av. Rio Branco, Av. Nilo Peçanha, Av. Graça Aranha,  Rua Santa Luzia (ponto regulador entre Praça Ana Amélia e Av Marechal Câmara), Rua Santa Luzia, Av. Marechal Câmara, Av. Franklin Roosevelt (pista direita), Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Primeiro de Março, Praça Pio X,  Av. Marechal Câmara, Av. Franklin Roosevelt (pista direita), Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Primeiro de Março, Túnel Rio 450, Via Binário do Porto (pista sentido Rodoviária), …
  •  Linha 376 (Pavuna – Candelária- via Rua Mercúrio) 
Ponto final atual: Avenida General Justo
Ponto final a partir do dia 07 de Maio:  Praça Pio X
Novo itinerário: IDA: …,  Via Binário do Porto (pista sentido Praça Mauá), Av. Venezuela, Praça Mauá, Av Rio Branco, Pra Pio X (ponto terminal entre as ruas da Quitanda e Candelária)
VOLTA: Praça Pio X, Rua Primeiro de Março, Túnel Rio 450, Via Binário do Porto (pista sentido Rodoviária)…
  •  Linha 377 (Pavuna- Castelo- via Costa Barros- circular) 
Ponto final atual: Avenida General Justo
Ponto regulador a partir do dia 07 de Maio: Rua Santa Luzia
Novo itinerário: IDA:…, Via Binário do Porto (pista sentido Praça Mauá), Av. Venezuela, Praça Mauá, Av. Rio Branco, Av. Nilo Peçanha, Av. Graça Aranha,  Rua Santa Luzia (ponto regulador entre Praça Ana Amélia e Av Marechal Câmara), Rua Santa Luzia, Av. Marechal Câmara, Av. Franklin Roosevelt (pista direita), Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Primeiro de Março, Praça Pio X,  Av. Marechal Câmara, Av. Franklin Roosevelt (pista direita), Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Primeiro de Março, Túnel Rio 450, Via Binário do Porto (pista sentido Rodoviária), …
  • Linha 378 (Marechal Hermes – Castelo – circular) 
Ponto final atual: Avenida General Justo
Ponto regulador a partir do dia 07 de Maio: Rua Santa Luzia
Novo itinerário:  IDA: …, Av. Francisco Bicalho, Viaduto dos Pracinhas, Av. Presidente Vargas (pista central), agulha acesso pista lateral Praça Onze, Av. Presidente Vargas (pista lateral), Av. Passos, Praça Tiradentes, Av. República do Paraguai, Rua Evaristo da Veiga, Rua Araújo Porto Alegre, Av. Graça Aranha, Rua Santa Luzia  (ponto regulador entre Praça Ana Amélia e Av Marechal Câmara), Rua Santa Luzia, Av. Marechal Câmara, Av. Franklin Roosevelt (pista direita), Av. Presidente Antonio Carlos (pista lateral), Rua Primeiro de Março, Praça Pio X, Av Presidente Vargas (pista central), agulha de acesso pista lateral, Av Passos, Av Presidente Vargas (pista lateral), Av Francisco Bicalho,…
Linhas Intermunicipais:
13076651_1066741890062420_3279041569584858294_n
Cabe lembrar que nas semanas do dias 14 e 21, outras linhas terão seus trajetos alterados em virtude das mudanças que estão programadas para os próximos dias. A expectativa é que 500.000 passageiros da cidade do Rio e da Região Metropolitana sejam afetados por este pacote.